1/3

O que é o PILab?

O Laboratório de Inteligência Pública, registrado no Diretório de Grupos de Pesquisa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), tem como objetivo desenvolver instrumentos, artefatos e tecnologias de gestão cujo centro seja a modernização do aparelho estatal, para que este possa apoiar o desenvolvimento local, regional e internacional.


A produção de instrumentos, artefatos e tecnologias de gestão baseados em public intelligence (PI) faz com que as instituições públicas tenham à sua disposição capacidades estruturadas sob o princípio da coordenação, articulação e integração de ações para suporte ao projeto de desenvolvimento nacional, que por sua vez se estrutura sob o princípio da transversalidade.

Nessa medida, deve-se prever instrumentos, tecnologias, dispositivos e artefatos que sejam capazes de estruturar propostas e executá-las, tendo como pressuposto a tecnopoliticidade. Em outras palavras pode-se afirmar que a tomada de decisão no setor público é feita a partir da eleição de líderes nos três níveis da federação, assim sendo, as decisões implementadas no corpo da estrutura estatal tem sua gênese na escolha democrática, portanto, o aparato técnico é também permeado pela gênese política.

A Universidade e a Inovação - Experiência PILab

Este modelo foi registrado como inovação de acordo com o Marco de Ciência, Tecnologia e Inovação (Lei 13.243/2016) no Núcleo de Inovação Tecnológica da Universidade de Brasília.

Imagem1.png

Este procedimento é fundamental por diversos motivos, dentre os quais destacamos alguns, quais sejam:

  • Vincular a Universidade à produção de inovação que consiga contribuir diretamente com governos em todos os níveis;

  • Envolver a estrutura da Universidade com a inovação nas unidades acadêmicas que historicamente não produziram inovação; e

  • Ser alternativa eficiente e eficaz para prestadores de serviços de governos, bem como para os próprios governos.

Metodologia

Metodologia “Gestão Pública para o Desenvolvimento
Instrumentos e Sócio Tecnologias para Governos” - GPDes

Um dos produtos do laboratório de Inteligência Pública, PILab,  é a Metodologia “Gestão Pública para o Desenvolvimento - Instrumentos e Sócio Tecnologias para Governos” - GPDes.

A partir de diversas pesquisas junto ao Governo Federal, Estados e Municípios, e em busca de responder prontamente o desafio da modernização do aparelho estatal e melhorar o desempenho nacional quanto a indicadores de competitividade e inovação, desenvolvemos a Metodologia “Gestão Pública para o Desenvolvimento - Instrumentos e Sócio Tecnologias para Governos” - GPDes. Referida Metodologia está fundada no conceito de Public Intelligence (PI), Inteligência Pública, cujas premissas encontram-se enunciadas abaixo:

  1. Preparar o ambiente organizacional para criação e implementação de tecnologias e instrumentos de gestão propícios ao desenvolvimento e implementação de inovação, propiciando a modernização do Estado;

  2. Desenvolver ferramentas e tecnologias de gestão com potencial de incidência sobre projetos de desenvolvimento nacional, regional e local;

  3. Desenvolver capacidades organizacionais de coordenação, articulação e integração com vistas à formação de gestores sob o ponto de vista da transversalidade e intersetorialidade nos procedimentos e processos que envolvem a gestão pública.

  4. Desenvolver capacidades organizacionais de coletar, organizar, analisar e compartilhar grande volume de informações e dados, por meio de ferramentas tecnológicas, com vistas a dar suporte a gestores públicos em todos os níveis federativos e nos diferentes tipos de instituições públicas;

  5. Vincular o desenvolvimento tecnológico à finalidade institucional propiciando alternativas que induzam o aumento da eficiência e efetividade das organizações públicas, bem como sua modernização

 

Ao optar por desenvolver tecnologias, instrumentos e artefatos de gestão sob as premissas da Inteligência Pública (Public Intelligence, PI) reconhece-se a particularidade do setor público em relação a outras instituições, das quais destacamos o tipo e abrangência das informações necessárias aos gestores públicos para a tomada de decisão, seja em nível federal, estadual ou municipal.

Esta Metodologia, proporciona aos gestores acesso a informações de boa qualidade, organizadas sob o ponto de vista dos parâmetros que regem a Administração Pública e seus governos, ou seja, Lei de Diretriz Orçamentária (LDO), Lei Orçamentária Anual (LOA), Plano Plurianual (PPA) e outros referenciais normativos. Portanto, estamos tratando de uma Metodologia totalmente parametrizada e regida por princípios aderentes às organizações públicas, donde destacamos os pressupostos centrais:

  1. O Estado se diferencia das demais instituições ou organizações por realizar direitos na forma de serviços (LUCIO, 2007; LUCIO et. al., 2014);

  2. Diante da complexidade de sua missão e funções constitucionais, o Estado deve apoiarse em ações coordenadas, articuladas e integradas, implementando a transversalidade, considerando o equilíbrio e autonomia entre os Poderes da República e suas especificidades institucionais;

  3. O projeto de desenvolvimento deve prever instrumentos, tecnologias, dispositivos e artefatos que sejam capazes de estruturar propostas e executá-las, tendo como base a tecnopoliticidade;

  4. Considera as capacidades estatais já existentes, fortalecendo-as ou ampliando-as de acordo com o desafio a ser enfrentado.

 

Nossos números

4

Grupos de pesquisas

11

Pesquisadores

Seminários/Eventos

 
20140101_211224.jpg

III Seminário Internacional de Custos, Governança e Auditoria do Setor Público

De 21 a 23/10/2019

unnamed (1).jpg

IV Seminário Internacional de Custos, Governança e Auditoria do Setor Público

De 19 a 21/10/2020

WhatsApp Image 2021-04-05 at 16.03.36.jp

Seminário regional de lançamento do Projeto Sala de Situação da Educação Básica: Gestão e Governança

De 12 a 16/04/2021

Capacitações

Projeto de Extensão Tecnológica Disseminação da cultura de Governança e Custos nos 3 poderes, MP e TC-Órgãos de Controle nos Entes da Federação

Disseminar a cultura de governança e custos nos poderes executivo, legislativo e judiciários dos Entes da Federação, testando de forma sistêmica os PI ́s da UnB SICGESP e RECASP, sem ônus, conforme recomenta a metodologia e protocolos acadêmicos, por dois anos, em mil (1.000) municípios e também nos tribunais de contas e ministério público e órgãos do governo estadual e federal.

Cursos já oferecidos no âmbito do Projeto:

  • Curso de certificação no sistema de custos SICGESP e RECASP – janeiro/2020;

  • Curso de certificação no sistema de custos SICGESP e RECASP – dezembro/2019;

  • Curso de certificação no sistema de custos SICGESP e RECASP – julho/2019;

  • Cursos de certificação no sistema de custos SICGESP e RECASP – maio/2019;

  • Curso de certificação em Práticas de accountability e utilização de informação de custos para o Setor Público-SICGESP E RECASP – abril/2015.

 

Produtos

Projeto RAGSUS

Firmar cooperação para o desenvolvimento do Programa/Projeto "Aperfeçoamento do Sistema Único de Saúde / Aprimoramento da articulação e cooperação interfederativa da gestão compartilhada do Sistema Único de Saúde-SUS", visando o fortalecimento do Sistema Único de Saúde, conforme especificações técnicas e objetivos constantes do Plano de Trabalho firmado entre as partes, dispondo dos objetivos, metas, especificações técnicas a ele vinculado e prazo de execução, que passa a se constituir em parte integrante do presente Termo.

Dissertações, Teses e Trabalhos de Conclusão de Curso
Projeto GGSUS

Firmar cooperação para o desenvolvimento do Programa/Projeto "Aperfeçoamento do Sistema Único de Saúde / Aprimoramento da articulação e cooperação interfederativa para a Análise, Estudos e Apoio ao Planejamento, à Regionalização e à Articulação entre os Entes Federados frente à Gestão do SUS", visando ao fortalecimento do Sistema Único de Saúde, conforme especificações técnicas e objetivos constantes do Plano de Trabalho firmado entre as partes, dispondo dos objetivos, metas, especificações técnicas a ele vinculado e prazo de execução, que passa a se constituir em parte integrante do presente Termo.

 

Notícias

@laboratoriointeligenciapublica
 
 

Entre em contato

Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Gestão de Políticas Públicas - FACE

Campus Universitário Darcy Ribeiro, Brasília-DF

CEP 70910-900

  • Branca Ícone Instagram
arrow&v

Obrigado pelo envio!